por Edson Ferreira, via Folha de Londrina

Belinati (PP) e Kireeff (PSD) disputam o segundo turno em Londrina.

Nesta última semana da campanha eleitoral antes da votação do próximo domingo, referente ao segundo turno da disputa, os dois concorrentes à  Prefeitura de Londrina, Alexandre Kireeff (PSD) e Marcelo Belinati (PP), vão adotar diferentes estratégias para conquistar os eleitores. Em comum, a participação nos quatro debates organizados por veículos de comunicação da cidade.

”Realmente vamos também voltar as nossas atenções para os debates”, afirmou Kireeff.

”São muito importantes para nós”, confirmou o jornalista Ricardo da Guia Rosa, assessor de comunicação de Marcelo. A reportagem tentou falar com o pepista, mas ele estava com o celular desligado. (mais…)

Compartilhe!

    por Luiz Carlos da Cruz, na Folha

    Gleisi fez campanha para Professor Lemos em Cascavel. Foto: Leandro Taques.

    A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT-PR), afirmou anteontem que o Congresso Nacional deve discutir a metodologia usada em pesquisas eleitorais para evitar que elas se transformem em “instrumentos de campanha”.

    A declaração da ministra foi feita em Cascavel (498 km de Curitiba), antes de ela participar de um evento de apoio ao candidato do PT na cidade, José Lemos.

    As pesquisas, segundo ela, retratam um momento e apontam uma tendência, mas não podem ser definidoras de votos: “Nós temos que estudar uma metodologia para que elas não sejam instrumentos de campanha”.

    Gleisi, que é senadora licenciada, acrescentou que o “Congresso Nacional vai ter de discutir essa situação”. (mais…)

    Compartilhe!

      Edson Feltrin (Femotiba).

      O advogado Edson Feltrin, presidente da Federação dos Moradores de Curitiba (Femotiba) e um dos coordenadores da campanha de Gustavo Fruet (PDT), informa que os movimentos sociais organizarão um ato político na próxima quarta-feira (24), a partir das 19 horas, na Sociedade Morgenau, em apoio à  candidatura do pedetista.

      Segundo Feltrin, o evento suprapartidário deverá reunir lideranças de entidades como Nilson Pereira, presidente da Femoclan (Federação Comunitária das Associações de Moradores de Curitiba e Região Metropolitana) e da Famopar (Federação das Associações de Moradores de Bairros do Estado do Paraná Movimentos Sociais); Luiz de Mauro, presidente da Conam (Confederação Nacional das Associações de Moradores); e Ana Célia, presidenta da União Geral dos Moradores, dentre outras.

      A Femoclan e a Famopar apoiaram no primeiro turno a candidatura do prefeito Luciano Ducci (PSB).

      Além de Fruet e sua vice, Mirian Gonçalves (PT), a atividade contará com as presenças dos ministros José Eduardo Cardozo (Justiça) e Miriam Belchior (Planejamento).

      Compartilhe!

        Advogado Juliano Breda.

        O advogado Juliano Breda não terá concorrentes na disputa pela presidência da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seção Paraná, que realizará eleição no próximo dia 19 de novembro.

        Apesar de não haver bate-chapa na autarquia federal, Breda afirma que é muito importante que todos os advogados participem e votem na eleição.

        “Agradeço a confiança de todos os advogados pela honra em ter sido escolhido candidato a Presidente da OAB/PR pela XI de Agosto. Não teremos concorrentes e isso apenas aumenta a responsabilidade dos eleitos”, disse o futuro presidente da OAB.

        Além do presidente e os diretores da entidade, os advogados também escolherão o Conselho e os diretores da Caixa.

        “A partir de hoje começaremos a erigir em conjunto com toda a classe e em todo o Estado um projeto democrático para os próximos anos, incluindo todos os segmentos da profissão”, afirmou Juliano Breda.

        Compartilhe!

          por Aline Rios, via Diário dos Campos

          Rangel e Péricles disputam o segundo turno em Ponta Grossa.

          Os candidatos a prefeito que disputam o segundo turno em Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PPS) e Péricles de Mello (PT), têm uma semana decisiva pela frente. Nos últimos dias que antecedem a votação do dia 28, os concorrentes devem intensificar a busca pelo convencimento e aproximação do eleitorado. Neste sentido, vale apostar na propaganda e também em atividades como a realização de caminhadas, passeatas e carreatas. Os prefeituráveis também devem aproveitar a semana para trazer a cidade nomes de peso da política, em manifestação de apoio à s suas campanhas.

          Hoje, por exemplo, está programada a vinda do ministra da Saúde, Alexandre Padilha a Ponta Grossa. De acordo com as informações divulgadas pela assessoria da coligação ‘Viva Ponta Grossa!’, Padilha manifestará seu apoio à  candidatura de Péricles a partir das 16 horas em evento no Espaço Ponta Grossa. Ainda durante a visita, o ministro também se reúne com profissionais da saúde que atuam para discutir sobre os principais problemas da área no município e apontar soluções.

          Péricles observa que a saúde é uma das áreas que mais motiva preocupações por parte da população. (mais…)

          Compartilhe!

            “Comparar meu filho com Collor é truque idiota”, diz Ratinho. Foto: reprodução.

            via UOL Eleições 2012

            Além de maior doador, o apresentador de TV Carlos Massa, o Ratinho, é figura atuante na campanha de seu filho, Ratinho Junior (PSC), na corrida eleitoral pela Prefeitura de Curitiba. De segunda a quarta, ele passa em São Paulo gravando seu programa no SBT. No restante da semana, ele está em comícios e carreatas com seu primogênito na capital do Paraná.

            Ele rebate as críticas do rival Gustavo Fruet (PDT), que comparou Ratinho Júnior com o ex-presidente Fernando Collor. “à‰ um truque idiota, imbecil”, responde o pai celebridade.

            O empresário e apresentador de TV deu a entrevista em sua casa em Alphaville, condomínio de luxo na cidade de Barueri, na Grande São Paulo, na semana passada, antes da divulgação das pesquisas Datafolha e Ibope, que colocam Fruet na liderança. No primeiro turno, o candidato do PSC terminou a disputa em primeiro, com 34% (332.408) dos votos válidos contra 27% (265.451) do pedetista. (mais…)

            Compartilhe!

              Ratinho Jr versus Fruet. Foto: Rodrigo Félix Leal. Jornal Metro/Curitiba.

              Os candidatos Ratinho Junior (PSC) e Gustavo Fruet (PDT), que disputam o segundo turno em Curitiba, se enfrentam em debate promovido pela RIC TV (Record), a partir das 23h15. O confronto será mediado pela jornalista Joice Hasselmann.

              O debate de hoje à  noite ocorrerá num momento tenso das campanhas. Ratinho Junior, atrás nas sondagens, abriu intenso fogo contra Fruet. O candidato do PSC deverá partir para o ataque, acusando o pedetista de contar com o ex-ministro José Dirceu nesta etapa eleitoral.

              Fruet, por sua vez, deverá mostrar que o julgamento de “mensaleiros”, inclusive Dirceu, só foi possível graças a sua atuação na CPI dos Correios, em 2005, quando era deputado federal.

              Resumo da ópera: se o confronto desta noite repetir o formado do primeiro turno, possibilitando o cara a cara, será um teste para cardíacos de ambas torcidas.

              Compartilhe!

                Juíza também proibiu jornal sobre panfletos apócrifos

                Justiça proíbe comparação de pesquisas Ibope e Datafolha.

                A Justiça Eleitoral proibiu ontem (21) que o candidato do PSC à  prefeitura de Curitiba, Ratinho Junior, exiba no seu programa de tevê no horário eleitoral gráfico que compara desempenho entre os institutos Datafolha e Ibope.

                A animação gráfica mostrada no programa de Ratinho induzia o eleitor a pensar que Gustavo Fruet (PDT) caiu na preferência do eleitorado, diz o advogado Luiz Fernando Pereira, coordenador jurídico da campanha pedetista.

                O candidato do PSC omitiu as datas das coletas das entrevistas!, argumenta Pereira, ao comentar a decisão da juíza Renata Estorilho Baganha.

                A última pesquisa divulgada pelo Ibope, registrada no TRE, colocou Fruet 10 pontos à  frente de Ratinho. A do Datafolha ampliou ainda mais a vantagem do candidato do PDT: 16 pontos.

                Os advogados alegaram que é impossível comparar as pesquisas dos dois institutos porque eles têm metodologias diferentes e quantidade de entrevistas também diferentes.

                O Datafolha ouviu 1.267 pessoas entre os dias 17 e 18 de outubro. O Ibope entrevistou 1.001 eleitores entre os dias 17 e 19 de outubro.

                A Justiça Eleitoral também proibiu, ontem, a coligação de Ratinho Junior de distribuir jornal no qual afirma que Gustavo Fruet está sendo investigado por suposta produção de panfleto apócrifo e fixou multa de R$ 1 mil por exemplar distribuído. O episódio ocorreu no primeiro turno.

                A juíza eleitoral Adriana Ayres Ferreira reafirmou que o pedido de investigação proposto por Ratinho Júnior foi arquivado pela Polícia Federal por falta de provas. A coligação Curitiba Criativa poderia ter recorrido da decisão, mas não o fez.

                Compartilhe!

                  Assessor parlamentar Nivaldo Missio (jaqueta preta) foi levado à  sede da Polícia Federal em Cascavel. Foto: divulgação.

                  A Polícia Federal prendeu ontem à  noite Nivaldo Missio, assessor do deputado estadual Adelino Ribeiro (PSL), flagrado distribuindo panfletos apócrifos contra o candidato a prefeito de Cascavel pelo PT, Professor Lemos. Outras quatro pessoas foram levadas à  Polícia Militar.

                  Segundo o último Ibope sobre a disputa em Cascavel, o petista lidera a corrida com 46% ante 45% do atual prefeito, Edgar Bueno (PDT), que concorre à  reeleição.

                  As pessoas detidas foram flagradas distribuindo panfletos apócrifos nas portas de igrejas evangélicas. Em um dos casos, foram dados tiros para intimidar quem tentava impedir a distribuição dos panfletos.

                  O material apreendido dizia que o petista Lemos, se eleito prefeito, “iria ensinar o homossexualismo nas salas de aula”.

                  Compartilhe!

                    Charge de J. Bosco – O Liberal.

                    Compartilhe!

                      Jornais do Paraná

                      Gazeta do Povo: Um em cada cinco jovens não estuda nem trabalha

                      Jornal do Estado: Antes da posse, vereadores já articulam eleição para a mesa

                      Jornal Metro: Curitiba tem mais de um desaparecimento por dia

                      Jornal de Londrina: Valor de empréstimo para pequenos dobra em 10 anos

                      Folha de Londrina: Diferentes estratégias na reta final

                      Gazeta do Paraná: Galo canta e Flu dança

                      Gazeta do Iguaçu: Polícia procura fugitivos da Penitenciária Estadual

                      Jornais de outros estados

                      Globo: Sem punição !“ Empresas de ônibus protegem infratores

                      Folha: TSE investiga contas de 17 partidos após fraude

                      Estadão: Mutirão limpa nome e tenta animar vendas de Natal

                      Correio: A tragédia se repete no Lago Paranoá

                      Valor: BNDES estimula acesso de empresas menores à  bolsa

                      Estado de Minas: Sem inglês, sem bolsa

                      Zero Hora: Avançou

                      Compartilhe!

                        A campanha de Ratinho Junior (PSC), que disputa o segundo turno em Curitiba, veiculou propaganda no horário eleitoral, na noite deste domingo (21), tentando relacionar o ex-ministro José Dirceu ao adversário Gustavo Fruet (PDT).

                        Jose Dirceu, apontado pela Procuradoria Geral da República com chefe da quadrilha do mensalão e condenado pelo Supremo Tribunal Federal, por corrupção ativa, comemorou o resultado do Ibope que deu pequena vantagem para Gustavo Fruet. Segundo o próprio José Dirceu ontem em seu blog, “agora uma excelente notícia trazida pelo Ibope, a virada pelo candidato que apoiamos em Curitiba, Gustavo Fruet”. Depois dessa, sinceramente, você vai ainda continuar apoiando esse candidato?!, diz o comercial.

                        A propaganda de Ratinho Junior mostrou vários depoimentos com adjetivos pesados, tais como chefe do mensalão, corrupto número um, repudiando a presença! de José Dirceu na campanha de Fruet em Curitiba.

                        O blog apurou que setores da campanha gustavista atribuem a matéria publicada no blog de Dirceu a uma espécie de vingança! do ex-ministro contra Gustavo Fruet. O candidato do PDT, quando era deputado federal pelo PSDB, destacou-se justamente na CPI do Mensalão que desaguou na condenação de petistas e do próprio José Dirceu. O relator do julgamento do mensalão, ministro Joaquim Barbosa, na leitura de seu relatório, inclusive, citou o trabalho de Fruet na investigação em três oportunidades.

                        Nem o PT nem a campanha do pedetista se pronunciaram oficialmente sobre o comercial exibido por Ratinho e sobre a tese de vingança! de José Dirceu contra Fruet.

                        Essa guinada do candidato do PSC para um discurso mais conservador, anti-PT, vem causando desconforto ao aliado PCdoB. Especula-se que os comunistas podem deixar a coligação de Ratinho Junior, pois eles dizem que os pastores evangélicos tomaram conta da campanha e trouxeram à  baila temas religiosos como aborto e casamento gay.

                        Na luta contra a corrupção e para garantir a segurança em Curitiba!, Ratinho Junior anunciou a criação de uma supersecretaria! de Segurança, se eleito, que será ocupada pelo delegado da Polícia Federal licenciado e deputado federal Fernando Francischini (PEN), que praticamente tomou conta do programa eleitoral do candidato do PSC.

                        Francischini fora preterido da vice do prefeito Luciano Ducci (PSB), que não avançou para o segundo turno. Por ironia, agora o deputado virou o principal garoto-propaganda e “tábua da salvação” de Ratinho. O “futuro supersecretário” é homem de confiança do governador Beto Richa (PSDB).

                        Já o ex-candidato a vice de Ducci, deputado federal Rubens Bueno (PPS), está apoiando a candidatura de Fruet.

                        Compartilhe!

                          Ratinho Junior (PSC). Foto: Rodrigo Félix Leal. Jornal Metro/Curitiba.

                          O candidato a prefeito de Curitiba pelo PSC, Ratinho Junior, por meio de sua assessoria, informou na noite deste domingo (21) que não tem nenhuma relação com a divulgação de pesquisa falsa Bandnews/Vox Populi que está sendo publicada nas redes sociais e investigada pela Justiça Eleitoral.

                          A assessoria jurídica do candidato disse que apresentará defesa e demonstrará que o candidato e a coligação não têm responsabilidade alguma pelo ocorrido. “A divulgação da suposta pesquisa foi ato individual de alguém não ligado à  campanha”, diz o comunicado.

                          De acordo com a coordenação de Ratinho Junior, o candidato do PSC repudia a divulgação dessa pesquisa irregular por considerar ações como essa um desserviço à  democracia.

                          Compartilhe!

                            A ministra Gleisi Hoffmann esteve ontem em Cascavel. Foto: Leandro Taques.

                            O momento é de intensificar a campanha na rua, mostrar a capacidade de nossa militância e consolidar a bonita virada que representará uma vitória para o povo de Cascavel!. As palavras de confiança na vitória do Professor Lemos (PT) e do vice Walter Parcianello (PMDB) partiram da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que ontem (20) esteve em Cascavel, Oeste do Paraná.

                            Na condição de militante do Partido dos Trabalhadores, Gleisi reiterou o apoio do Governo Federal à  campanha de Lemos e falou do atual momento da campanha.

                            Tentam desconstruir nossos companheiros, nossa aliança, afirmando que o Lemos não tem experiência. Lembro que isso foi usado pelos adversários do ex-presidente Lula, que diziam que ele não tinha capacidade de governar um país desta dimensão e também da presidenta Dilma, quando falaram que o Lula estava elegendo um “poste” para governar o Brasil!, lembrou a ministra. (mais…)

                            Compartilhe!

                              Rocha Loures e Gustavo Fruet. Foto: Rogério Theodorovy.

                              O chefe de relações institucionais da Vice-Presidência da República, Rodrigo Rocha Loures, do PMDB, acompanhou por duas horas as pedaladas do candidato a prefeito de Curitiba pelo PDT, Gustavo Fruet, que terminou no Parque Barigui.

                              Segundo Rocha Loures, o pedetista pediu para que a militância da campanha mantenha o pé no chão “sem salto alto” na reta final do segundo turno.

                              “Tem muita gente querendo vir agora, inclusive do PMDB”, assegura Rocha Loures, que na semana passada, juntamente com o senador Sérgio Souza, contrariaram o correligionário Roberto Requião, presidente da sigla na capital, ao declararem apoio a Fruet.

                              “Imagina-se que, infelizmente, o tom deverá subir por parte da turma do Ratinho Junior (PSC). Ele [Fruet] está sereno e calmo. Confiante e tranquilo, pedindo ao longo do caminho para o pessoal manter o pé no chão, sem salto alto”, relatou o peemedebista.

                              Compartilhe!
                                Copyright © 2009 Blog do Esmael. Todos os direitos reservados.