Bolsonaro cassa aposentadoria de ex-presidente da Petrobras Sérgio Gabrielli

Compartilhe agora


O governo Bolsonaro acionou a Controladoria-Geral da União (CGU) para cassar a aposentadoria do ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli, de acordo com informação da coluna Painel, no jornal Folha de São Paulo.

Gabrielle ficou à frente da estatal entre 2005 e 2012, durante as gestões Lula e Dilma, e é investigado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) em processo que apura superfaturamento de obras da refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.

A decisão sobre a suspensão da aposentadoria de Gabrielli foi publicada no Diário Oficial da União na terça (24). O texto informa que a CGU, com base em parecer de 6 de dezembro, entendeu que o ex-dirigente da estatal cometeu infrações disciplinares à frente do cargo.

LEIA TAMBÉM:

Bolsonaro usa preço dos combustíveis como desculpa para atacar Petrobras

Carluxo volta a atacar a comunicação do governo do pai Bolsonaro

Nando Moura ataca #BolsonaroTraidor no Twitter por causa de Sérgio Moro