Requião lança movimento oposicionista “Me chama que eu vou” para a disputa pelo governo do Paraná [vídeo]

Compartilhe agora

O ex-senador Roberto Requião (MDB-PR), durante uma live, nesta quinta-feira (7), lançou o movimento oposicionista “Me chama que eu vou” para a disputa pelo governo do Paraná em 2022.

Dirigindo-se ao atual governador Ratinho Junior (PSD), a quem chamou de despreparado, confirmou sua intenção de concorrer ao Palácio do Iguaçu daqui a dois anos.

“Da minha parte e da minha vontade, me chame que eu vou, eu te enfrento na eleição”, disse Requião, que já governou o estado três vezes (1991-1994 e 2003-2010)

O emedebista pretende confrontar o que ele já realizou nas suas gestões com a falta de ações do atual governo. Para isso, Requião tem a intenção de entrevistar em suas lives ex-secretários, prefeitos, deputados, sindicalistas, empresários beneficiados por programas governamentais, enfim, apresentará contraponto a Ratinho numa espécie de “Escolinha de Governo”.

Na época em que era governador, Requião reunia semanalmente os primeiro e segundo escolões do governo do estado para prestar contas ao vivo na TV Educativa. Agora, ele pretende usar esse “know-how” para mobilizar a oposição a Ratinho Junior por meio das redes sociais.

O ex-governador disse que ele apresentará “conselhos construtivos” ao governador Ratinho, “filho do meu amigo Ratão”, discursou.

Na semana passada, o Blog do Esmael registrou em primeira mão que Roberto Requião disputará o governo do Paraná em 2022.

Assista ao vídeo de Requião: